Governo do Ceará

Telefones úteis

Rede Social

  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • photos/123957969@N07/sets/
  • seduc_ceara
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto

Aldeia Gameleira do povo kanindé no município de Canindé

 

 

1. Histórico

 

A Escola Diferenciada de Ensino Fundamental e Médio da Gameleira surgiu da necessidade de educar de forma efetivamente inclusiva o povo Kanindé. A referida etnia está localizada na comunidade de Gameleira, no município de Canindé. A escola existe desde 2001, quando surgiu uma proposta dos índios Kanindé de reivindicarem pelos direitos de uma educação diferenciada e de qualidade para suprir as necessidades do povo.

 

Inicialmente a escola tinha como principal papel, dois objetivos básicos:

. Alfabetizar e fazer com que todos conheçam a história da comunidade a partir de suas origens;

. Resgate da cultura do nosso povo;

 

Foi criado uma sala de aula em 2001 com a modalidade de Ensino Educação de Jovens e Adultos ( EJA ) com um total de 14 alunos. Inicialmente o contrato era feito via CREDE de Baturité . Um ano depois, o processo de contração e assistência ficou por parte da 7º CREDE- Canindé.

 

De início a escola funcionava na casa de uma professora com a assistência do Estado. Em 2003 com o afastamento da professora supra para aposentadoria, os alunos teriam que estudar em outras localidades mais distantes. Vendo a grande dificuldade que esses índios iriam enfrentar, fosse em relação à distância ou condição financeira, a comunidade resolveu pedir mais um contrato com 200 horas, para tentar resolver o problema que estava tendo no momento. A comunidade foi atendida em sua reivindicação e o município entrou como parceiro dando a merenda e contratando uma merendeira, inclusive, cedendo um prédio escolar. Em virtude da importância e do crescimento de alunos da escola indígena, aconteceu então um movimento da parte dos pais, professores e lideranças da comunidade indígena para uma contratação de um coordenador escolar. Nesse contexto, o EJA continuou funcionando na casa do professor (fundamental 1) e o 2 no prédio cedido pela prefeitura.

Em 2007 por conta da ocorrência de alguns conflitos entre índios e não índios houve a visita da coordenadora da 7º CREDE, Ana Geovanda Mourão Rezende, e na oportunidade ela pode presenciar a argumentação de não índios que não queriam aquele tipo de ensino na comunidade. A coordenadora da 7ª CREDE foi favorável a que as aulas acontecessem na casa do professor já que o EJA já funcionava e poderia evitar novos conflitos. A comunidade concordou e tivemos no mesmo ano o desligamento do município e assim conseguimos que a escola fosse do estado. No ano de 2010 conseguimos 400 hs de professores em sala de aula e 200 de coordenação. Conseguimos também e essa sem dúvida foi uma grande vitória da comunidade, a construção de uma escola, pois até então só tinhamos o nome mas, não tinha a escola. Em 2011 tivemos um bom acréscimo no número de alunos, concluindo o ano letivo com 75 alunos. A construção da escola segue seu ritmo, com previsão de inauguração para o início de 2012, enquanto continuamos o nosso trabalho na casa do professor.

A escola diferenciada existe para suprir as necessidades relacionadas a comunidade e ao povo indígena, diante da sociedade. E ao mesmo tempo, porque é uma escola que vem trazendo novos caminhos para os alunos indígenas. Nessa perspectiva buscamos produzir uma realidade igual entre todos. Uma escola que se diferencia em muitos aspectos:

 

  1. Visa tornar o aluno critico e consciente do seu próprio papel diante da sociedade e conhecer sua própria cultura;

  2. Sua metodologia é específica da própria escola indígena;

  3. A escola diferenciada parte da comunidade, com a participação de todos os índios.

 

Ao longo dos anos a educação indígena vem se intensificando na comunidade e a escola já tem contribuído muito em relação as conquistas pela etenia, saúde, agricultura e o meio ambiente. Foi a partir deses aspectos que a nossa comunidade foi reconhecida como indígena pelos outros povos indígenas e pela sociedade. E também teve autonomia e segurança de lutar pelos seus direitos.

O objetivo geral da escola é formar cidadãos críticos, autônomos e conhecedores de seu papel na sociedade, como também, aprender a ler e escrever para que saibam expressar e transmitir seus pensamentos e assim ter maior facilidade para se comunicar com as autoridades na reivindicação de seus direitos. Não podendo esquecer o resgate cultural do nosso povo.

 

A comunidade tem um papel importante diante da escola. A participação do povo junto aos alunos e professores e um dos fatores essenciais para um envolvimento geral de todos sobre as situações que abrangem a escola. Dessa forma a escola se apresenta como o principal agente na construção de uma educação de qualidade diferenciada.


 

Calendário

Novembro 2018
D S T Q Q S S
28 29 30 31 1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 1

CREDE 07 - Canindé - Rua Tabelião Facundo nº 236 Bairro: Centro Municipio: Canindé-CE
Fone: (85) 3343-6815 / 3343-6824 - Mapa de Localização

© 2008 - Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados